sábado, 13 maio 2017 19:53

Do oceano para nossas mãos

Escrito por
Classifique este item
(0 votos)
No 6.º dia da Semana Tanto Mar fomos conhecer o percurso de venda do peixe desde que é pescado até chegar ao comum consumidor. De manhã, fomos até ao Porto de Peniche onde nos esperava Ricardo Esteves, responsável por esta entidade portuária. Depois de nos explicar as principais atividades do porto – venda e leilão do pescado, construção e reparação de embarcações, tivemos oportunidade de assistir ao leilão matinal do peixe trazido pelos pescadores. De seguida, visitámos os estaleiros navais onde vimos um molde para um navio em fibra de vidro e outras embarcações, já no exterior, a serem reparadas e pintadas. À tarde, voltámos a encontrar-nos com a Marinha, que nos proporcionou uma saída para o mar a bordo da lancha “Sagitário”. Fomos ainda visitar a lancha salva-vidas do Instituto de Socorros a Náufragos, uma embarcação utilizada em missões de salvamento que é capaz de de dar uma volta de 360º em alto mar sem naufragar. Para terminar o nosso dia, voltámos ao Porto de Peniche para o leilão da tarde, bem diferente do que já tinhamos assistido pela manhã. O armazém onde decorria a venda do pescado estava cheio de caixas com muitas espécies diferentes, licitadas por compradores que enchiam as bancadas para levarem aos seus “mercados” o melhor peixe fresco. E porque o fim da semana e o espetáculo de encerramento se aproximam, à noite tivemos tempo para preparar a nossa apresentação.
Lido 174 vezes Modificado em segunda, 30 abril 2018 16:21